Atendimento ao Cliente
71 3338.8555

NOTÍCIAS

Conheça oito alimentos que ajudam a evitar a hipertensão arterial

Estilo de vida saudável é fundamental para prevenir a doença

Atualizado em 30/04/2015

A hipertensão arterial é uma doença silenciosa. Na maioria dos casos, não apresenta sintomas. Entre os principais fatores de risco estão má alimentação, sedentarismo, tabagismo e consumo excessivo de bebidas alcoólicas.

O controle da pressão arterial é um dos passos fundamentais para a prevenção de doenças do coração e acidentes vasculares (derrames). Segundo a nutricionista Flavia Morais, adoção de bons hábitos alimentares e de vida pode ajudar na prevenção e no tratamento da doença. Quando não tratada, a hipertensão arterial pode causar infarto agudo do miocárdio, acidente vascular cerebral (AVC) e levar à morte.

Para a nutricionista, a alimentação deve ser composta por cereais integrais, leguminosas, hortaliças, frutas e óleos vegetais. 

— Devem ser evitados alimentos refinados, salgadinhos, produtos congelados, embutidos, refrigerantes e bebidas alcoólicas — recomenda.

A nutricionista também faz um alerta quanto ao consumo de sódio. Seu excesso favorece a retenção de líquidos no organismo, aumentando a pressão arterial. Além do sal, outros alimentos ricos em sódio são temperos e salgadinhos industrializados, patês, manteiga, margarina e embutidos.

— Antes de adquirir um produto, leia atentamente os rótulos para verificar o teor da substância. Procure utilizar condimentos naturais como substitutos do sal. Tempere as receitas com orégano, tomilho, salsa, cebolinha, coentro, alecrim, manjericão ou louro. Eles são pobres em sódio, fontes de antioxidantes e conferem sabor especial aos demais alimentos — destaca Flávia.

A especialista lista dos oito alimentos que não podem faltar no cardápio de quem deseja controlar a hipertensão arterial. Confira:

1) Leguminosas
Comer uma xícara de feijão, ervilha, grão-de-bico, lentilha e outras leguminosas diariamente pode reduzir o risco de doença cardíaca e melhorar o controle da pressão arterial. Esses alimentos são boas fontes de potássio, que ajudam a regular a quantidade de água dentro das células, melhorando o controle da pressão arterial.

2) Gergelim
O óleo de gergelim auxilia na redução do colesterol total e do colesterol LDL, pois é fonte de ácidos graxos insaturados. O gergelim também é fonte de vitamina E, antioxidante que protege as células da ação dos radicais livres, reduz o risco de aterosclerose e evita a oxidação do LDL, prevenindo infartos. Saboroso, pode ser usado em saladas, pratos frios e massas. 

3) Cacau
Os flavonóides presentes no cacau ajudam os vasos sanguíneos a funcionarem melhor, o que reduz a pressão sobre o coração. É fonte de catequina e epicatequina, que auxiliam na redução da agregação plaquetária e no controle dos níveis de colesterol.

4) Cranberry
A fruta é rica em flavonóides, que apresentam propriedades antioxidantes. A inclusão do suco de cranberry na dieta reduz a oxidação do LDL e promove aumento dos níveis de HDL.

5) Suco de uva integral 
Fonte de resveratrol e antocianinas, poderosos antioxidantes que neutralizam os radicais livres e relaxam os vasos, o consumo do suco ajuda no controle da pressão arterial, prevenindo doenças cardiovasculares. 

6) Romã
O consumo diário do suco da fruta auxilia na redução das taxas de LDL, a fração do colesterol associada ao entupimento dos vasos. Os antioxidantes existentes na fruta protegem o organismo dos radicais livres.

7) Semente de chia
A chia é fonte de ômega 3, vasodilatador suave que auxilia no controle da agregação plaquetária. Atua na prevenção e controle de doenças cardiovasculares, aterosclerose e hipertensão arterial.

8) Cápsulas de óleo de peixe (ômega 3)
Auxilia na prevenção e controle de doenças cardiovasculares, aterosclerose e hipertensão arterial.